Olá pessoas do meu coração!! Estou aqui 1 ano e 7 meses pós BC, como muitas experiências e alegrias e gostaria de dividir algumas com vocês. De lá pra cá tantas coisa aconteceram, coisas boas, e coisas ruins também. Por isso to aqui hoje, para mostrar a evolução do meu cabelo. Hoje muitas pessoas me vêem como estivesse na glória do cabelo, talvez esteja mesmo, pois hoje estou na melhor fase do meu cabelo de toda a minha vida, que me lembro. Aceitar e passar pela transição te faz crescer como pessoa, te faz amadurecer, e te faz enxergar o mundo com outro olhar.

Nesses domingos da vida saí de casa para ir ao shopping e já me acostumei muita das vezes as pessoas olhando para meu cabelo, a forma que me visto, mas sinceramente adoro demais, cansei de ser igual a todas. Hoje sou diferente e me destaco. Para alguns pode ser ruim, para outros é ótimo e lindo, e me agarro nesses que acha lindo. E indo para shopping tinha uma família (mãe, 2 filhas e uma amiga das filhas) todas tem cabelos crespos, porém todas alisam o cabelo e os mantém lisos. Eu, muitas das vezes até me esqueço do meu cabelo, daí quando sentei ao lado delas, todas disseram o quanto meu cabelo estava lindo. No decorrer da conversa dei várias dicas e tudo mais. O sentimento é que de alguma forma consegui mostrar para todas que o cabelo cacheado pode ser lindo e ainda não dar trabalho. Saí do ônibus feliz, não só por me sentir mais bonita, mas por ter feito de alguma forma ter plantado a sementinha da aceitação no coração delas. É engraçado que o cabelo faz com a gente né, faz a gente mudar e ajudar as pessoas a mudar também. E só isso me deixa feliz. E são tantas as situações com minha mãe, por exemplo, ela fica encantada, sempre que saímos juntas, ela sempre fala: "ta todo mundo olhando para seu cabelo". E sempre falo com ela: "ta não mãe, é coisa da sua cabeça". Como meus pais moram no interior, é bem diferente como as pessoas me olham.

image

Outro dia eu e meu marido estávamos em BH, e fomos em shopping mais chique, me arrumei como de costume. Me maquiei, coloquei uma roupa legal, e nesse dia fiz um afro puff. Meu marido olhou para me e disse: "seu cabelo chama muita atenção, mas é bem legal as pessoas olhando, pois elas assustam, mas ao menos tempo a impressão que dá que ela pensam é diferente, mas é muito bonito". Eu rio e sigo caminho e me sinto confiante.

Confesso que sempre que alguém fala isso me sinto muito bem! Pois nem sempre isso foi flores. Quando estávamos em Lisboa, havia comprado algumas coisas na SEPHORA e ganhei um dia de maquiagem, bom fomos em um dia para fazer essa bendita maquiagem. Enfim, fui tão maltratada pela maquiadora, parecia que tinha nojo de tocar em mim, no cabelo então, nossa fiquei muito triste por muitos dias. Ah, e se vocês estiverem achando que era portuguesa, estão enganados era uma brasileira lá de Curitiba, porque tive que perguntar.

[youtube]NQZFuqbqGYg[/youtube]

Nesse um ano e sete meses fiz quatro cortes, meu cabelo sofreu muito com scab hair e fiz luzes duas vezes. Já tentei fazer o cronograma várias vezes e sempre perco a paciência. Mas agora, o que estou fazendo muito, é usar um creme de hidratação no banho e ficar com ele uns cinco minutos e tirar. Na hora de finalizar uso óleo de amêndoas e o creme de pentear e faço filtagem. O resultado está sendo incrível!

Espero realmente que motive as pessoas que estão nessa fase de transição ou que acabou de cortar o cabelo, tem dias que a gente acorda triste querendo o cabelo gigante, e acreditem ainda acordo assim, mas aos poucos você vai curtindo cada momento. É gostoso olhar pra trás e ver tudo que já percorri e o tanto que ele desenvolveu. Só não podemos desistir. Vamos que vamos!

Espero que gostem do post de hoje.